Definição de Qi

Qi é a energia ou força natural que preenche o universo. Na tradição chinesa existem três grandes poderes no universo, o céu a terra e o homem. O Céu (ou universo) tem o qi do céu, o mais importante dos três, que é composto pelas forças que os corpos celestes exercem na terra, como a luz do sol, o luar, a gravidade da lua e a energia das estrelas.

Cada campo de energia esforça-se para permanecer em equilíbrio, sempre que o qi do céu perde o equilíbrio, ele procura se reequilibrar. Então o vento sopra, a chuva cai, e até tornados ou furacões tornam-se necessários para que o qi do céu alcance um novo equilíbrio energético.

Por baixo do céu, existe o qi da terra. Que é influenciado e controlado pelo qi do céu. Por exemplo, muita chuva fará um rio inundar ou mudar seu percurso. Sem chuva, as plantas morrerão. O qi da terra é feito de linhas e padrões de energia, bem como o campo magnético da terra e o calor escondido no subsolo.

Estas energias também devem estar em equilíbrio; caso contrário, desastres podem ocorrer tais como terremotos. Quando o qi da terra está equilibrado e em harmonia, as plantas crescerão e os animais vão prosperar. 

Finalmente, dentro do qi da terra, cada pessoa, animal e planta tem seu próprio campo de qi, que procura o equilíbrio constantemente. Quando qualquer ser vivo individual perde o seu equilíbrio, adoece, morre e se decompõe. Todas as coisas naturais, incluindo a humanidade e o qi humano, crescem e são influenciados pelos ciclos naturais do céu e da terra. 

Ao longo da história do qigong, as pessoas estão interessadas no qi humano e na sua relação com o qi do céu e com o qi da terra.

Na tradição chinesa, qi também pode ser definido como qualquer tipo de energia capaz para demonstrar poder e força. Essa energia pode ser eletricidade, magnetismo, calor, ou luz. A palavra qi tem uma definição muito ampla e geral, não se refere apenas à energia que circula no corpo humano.

O Qi Humano

Como é que o Qi é definido entre os praticantes de qigong nos dias de hoje?

Como mencionado anteriormente, dos três poderes, terra, céu e homem, o que mais recebeu atenção ao longo dos tempos, foi o poder do qi humano pois que afeta a nossa saúde e a nossa longevidade. 

Quando as pessoas mencionam qi, ou prana ou mesmo energia vital, geralmente significa a energia que circula nos nossos corpos.

De acordo com a medicina chinesa, cada um dos nossos órgãos internos precisa receber uma quantidade específica de qi para funcionar corretamente. Se um órgão recebe uma quantidade imprópria de qi, geralmente muita – em outras palavras, muito yang ou muito fogo – começará a funcionar mal e, com o tempo, ocorrerão danos físicos. 

Assim, o objetivo do médicos ou praticantes de qigong deve ser o de atingir um estado de “sem fogo”, que eventualmente tornou-se a palavra qi.

O qi que circula nos nossos corpos é produzido principalmente pela inalação de ar (oxigênio) e consumo de alimentos. 

Se pensarmos cuidadosamente sobre o que sabemos da ciência hoje em dia, podemos ver que há realmente apenas um tipo de energia neste universo, que é a energia eletromagnética (ondas eletromagnéticas). 

Isto significa que a luz e o calor (ondas infravermelhas) também são definidos como energia eletromagnética. O que deixa muito claro que o qi que circula nos nossos corpos é na verdade “bioeletricidade“, e que o nosso corpo é um “campo eletromagnético vivo“.

Este campo é afetado pelos nossos pensamentos, sentimentos, atividades, a comida que comemos, a qualidade do ar que respiramos, o nosso estilo de vida, a energia natural que nos rodeia e a energia não natural que a ciência moderna inflige em nós.

Voltar